sexta-feira, 23 de julho de 2010

Bem-me-quer (5)


Você me amaria...
...Se não deixasse de ser uma tola insegura?

Você me amaria...
... Se eu fumasse, bebesse e engordasse?

Você me amaria...

...Nas minhas birras e loucuras,
TPM’s e frescuras, descontadas em você?

Você me amaria...
...Se eu estivesse falida, falada, f*dida?


Você me amaria...
Se eu estivesse cheia de tudo e de todos?


E se eu te sufocasse, te prendesse, te censurasse...
Você me amaria?
Você me amaria...
Se depois, muito depois de tudo,
eu te pedisse perdão?

Você me amaria...
Se, com ou sem você, eu fosse feliz?

6 comentários:

Roséli - a Flor disse...

Afinal, você me amaria?
*.*

Kleitman Castro disse...

Ama-se pelo conjunto da obra.
E digamos, que estou-lhe encaixando as partes. chegarei ao sim, sim!!!kkkkk
bjos

Anônimo disse...

Eu só posso te amar se voce conseguir ser mais seu do que meu, eu só posso te amar se voce for feliz com e sem mim! Eu só te amo!
Não te quero possuir!

Kleitman Castro disse...

Continue assim, pois 'Amar' nos livra do anonimato... rsrs
E obrigado.
;~]

Anônimo disse...

amor incondicional, surreal... poético!
º!º

Kleitman Castro disse...

Mas nem pensei em amor de mãe, viu?
rsrs
;~]

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails